Maia defende redução de salário nos três Poderes para ajudar economia

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia  (DEM-RJ), estimou nesta segunda-feira, 23, que o enfrentamento à pandemia de coronavírus pode alcançar R$ 400 bilhões e defendeu a ajuda de todo o poder público para bancar as despesas, o que poderá incluir redução de salários de integrantes do LegislativoJudiciário Executivo.

Segundo ele, o governo precisará utilizar todos os recursos disponíveis para combater a doença e recuperar a economia.

Questionado se a Câmara discute reduzir salários de deputados, Maia afirmou que todos precisão dar sua parcela de contribuição em algum momento.

Atualmente, o salário bruto de deputados e senadores é de R$ 33,7 mil. Somados os 594 parlamentares, o valor chega a pouco mais de R$ 20 milhões.

Compartilhe: