Gabriela Hardt já pode sentenciar Lula na ação do sítio de Atibaia

A juíza federal Gabriela Hardt já pode sentenciar o ex-presidente Lula, desta vez, no processo envolvendo o sítio Santa Bárbara, em Atibaia.

Nesta segunda-feira, 7, às 23h25, faltando 35 minutos para o fim do prazo, foram entregues as últimas alegações finais.

No documento, Ministério Público e réus apresentam memoriais e fazem seus derradeiros apelos à magistrada.

Às 15h47 desta terça-feira, 8, os autos chegaram às mãos da juíza para sentença, segundo consta nas movimentações do processo digital.

No processo, o ex-presidente é acusado de receber supostas propinas de R$ 1 milhão das empreiteiras Odebrecht, OAS e Schahin.

Em alegações finais, Lula nega a acusação e afirma ter sido perseguido tanto por Sérgio Moro, quando exercia a magistratura, quanto por Gabriela Hardt.

Compartilhe: