Ministro quer militares fora da reforma da previdência

O ministro-chefe da Secretaria de Governo, general Carlos Alberto dos Santos Cruz (foto), engrossou o coro dos que querem ver os militares fora da reforma da Previdência
Ainda disse haver outras categorias com peculiaridades que devem ser levadas em conta na discussão.
‘Militar é uma categoria muito marcante, de farda. Militares, policiais, agentes penitenciários, Judiciário, Legislativo, Ministério Público possuem características especiais, que têm de ser consideradas e discutidas’, disse o ministro.
O assunto, no entanto, ainda está sob análise de Bolsonaro, que é capitão reformado do Exército e tem sete militares na equipe.
Os ministros Paulo Guedes (Economia) e Onyx Lorenzoni (Casa Civil) indicaram que devem prevalecer regras mais duras na proposta que será apresentada ao presidente na próxima semana, inclusive para militares.

Compartilhe: