Bolsonaro aposta na ICP-Brasil para acabar com a fraude nas bombas de gasolina. Vídeo

As fraudes nas bombas de gasolina parecem estar com os dias contados. (vídeo no fim da matéria).

O Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro) está em processo de credenciamento para tornar-se uma Autoridade Certificadora da Infraestrutura de Chaves Públicas Brasileira (ICP-Brasil) e, a partir daí, prover certificados digitais de objetos metrológicos.

Fraude

A fraude ocorre de forma invisível aos consumidores. Internamente, nos componentes eletrônicos da bomba, a quantidade é calculada pelo bloco medidor, que gira conforme o volume de combustível que passa por ele. Um transdutor óptico informa ao medidor a quantidade de pulsos enviados para a bomba.

Solução

As bombas de combustível deverão ter informações sobre sua identidade disponíveis a qualquer pessoa. Bastaria, por exemplo, a captura de um QR Code para saber tudo sobre determinada bomba, como o endereço do posto, sua data de fabricação e se o certificado metrológico ICP-Brasil está instalado e válido.

Bolsonaro

O que pude apurar durante a semana é que o Planalto trata este tema como prioritário entre as ações do Governo Federal no combate às fraudes que prejudicam a economia, já que elas permitem burlas fiscais bilionárias.

“Do Inmetro está vindo a resposta adequada”, disse Bolsonaro.

O vídeo está disponível em https://youtu.be/8oPisf3kbGI?t=1756

 

 

fonte: *Edmar Araujo, presidente-executivo da Associação das Autoridades de Registro do Brasil (AARB). 

Compartilhe: