Moro bate martelo sobre eleições e Podemos marca evento de filiação

O ex-juiz da Lava-Jato Sergio Moro decidiu que vai mesmo concorrer às eleições de 2022.

O Podemos já prepara a solenidade que deverá acontecer em Brasília, no Centro de Convenções Ulysses Guimarães, e deve se repetir em mais duas capitais posteriormente: São Paulo e Curitiba.

Oficialmente, o assunto ainda é tratado com reserva por Moro e pelo partido já que o ex-juiz tem seu contrato de consultor com Alvarez & Marsal ainda em vigência.

Com seu término, no fim de outubro, o movimento político de Sergio Moro poderá ser deflagrado e oficializado.

Em seu artigo semanal publicado na revista Crusoé, Moro já adotou um tom de preocupação com a crise econômica e com as manobras do governo para driblar o teto fiscal e bancar o Auxílio Brasil.

Na mais recente pesquisa feita pelo IPEC, em 22 de setembro, Moro foi incluído apenas em um dos cenários, que tem mais nomes que correm também no campo da terceira via.

Neste cenário, ele aparece com 5%, atrás de Lula (45%), Bolsonaro (22%), e Ciro Gomes (6%), mas a frente de José Luiz Datena (3%) e Doria (2%).

Compartilhe: