Gilmar Mendes deveria trocar a toga pelo voto, diz Deltan

Recém-filiado ao Podemos o ex-procurador da Operação Lava Jato Deltan Dallagnol afirma que o ministro Gilmar Mendes, do STF, deveria “ser coerente” e “trocar a toga pelo voto”.

Em entrevista ao UOL o hoje pré-candidato a deputado federal e recorrente alvo de críticas de Mendes defende a extinta força-tarefa de Curitiba, da qual foi o principal porta-voz, e diz que o magistrado tem “numerosos comportamentos inadequados”.

Alvo divulgação de conversas que manteve no aplicativo Telegram e que foram obtidas pelo site The Intercept Brasil, Deltan Dellagnol deixou a Lava Jato no ano passado, mas continua na defesa enfática da operação e de Moro.

“O STF se ateve a decisões como a condução coercitiva, a divulgação de áudios e a liberação de um termo de colaboração do Palocci. E nisso a decisão por maioria do STF errou feio, porque tais decisões simplesmente seguiram a lei e o padrão adotado pela Lava Jato em todos os outros casos”, disse o ex-procurador.

 

fonte: Lucas Borges Teixeira e Nathan Lopes, do UOL, em São Paulo

Compartilhe: