Dallagnol rebate Lula: “Provas de corrupção profunda e multimilionária”

Após o ex-presidente Lula (PT) voltar a atacar a operação Lava Jato, chamando o ex-juiz Sergio Moro (Podemos) e o ex-procurador Deltan Dallagnol (Podemos) de ‘canalhas, tanto Dallagnol quanto Moro rebateram as críticas.

O ex-procurador comentou:

“A postura do ex-presidente é uma postura desesperada, de quem teve contra si uma série de provas de corrupção profunda e multimilionária e que quer desviar a atenção, alegou Dallganol.

“Ele tenta, de movo desesperado, para criar uma narrativa e inverter valores, o rabo abanando o cachorro (…) pontuou.

O ex-procurador ainda defendeu a Força Tarefa da Operação Lava Jato e disse que a decisão de anular os processos de Lula, pelo Supremo Tribunal Federal (STF), foi equivocada.

Na quarta-feira, Lula chamou Moro de “canalha” e o ex-juiz não demorou a responder ao petista, escrevendo no Twitter: “canalha é ele, que roubou o Brasil”

Compartilhe: