Sergio Moro diz que parecer da ONU é baseado em erro do STF

O ex-ministro da Justiça e Segurança Pública Sergio Moro declarou, em entrevista à CNN que o parecer do Comitê de Direitos da ONU  se baseia em um “erro” do STF que reconheceu o ex-juiz como suspeito no julgamento contra o ex-presidente da República.

“Têm votos vencidos que qualificam isso [a suspeição] como um acerto de contas politico”, disse.

O ex-ministro ressaltou não ter mudado o seu entendimento sobre o processo mesmo com o documento da ONU.

Lula foi condenado a nove anos e seis meses de prisão pelo ex-juiz, quando Moro ainda comandava a 13ª Vara Federal de Curitiba

Compartilhe: