No senado, Moro promete retomar ações pró-Lava Jato

O ex-juiz Sergio Moro (União Brasil) ao anunciar  sua pré-candidatura ao Senado pelo Paraná, afirmou:

“A minha carreira pública como juiz, depois como ministro, me dá credibilidade e legitimidade para ser esse representante do povo paranaense no Senado Federal”.

Moro exaltou a operação Lava Jato e defendeu o combate à corrupção.

“Se alguém achou que a Lava-Jato acabou, nós vamos retomar”, disse o pré-candidato.

Moro quer regras mais duras para prescrição e progressão de penas.

A ideia seria impedir a progressão para regime semi-aberto de pessoas com relações com o crime organizado.

Reeditar as 10 medidas de combate à corrupção que não avançaram no Congresso.

Deixar mais claro na legislação a execução da pena após condenação em segunda instância.

Compartilhe: